quinta-feira, 18 de janeiro de 2007

" Sonhei contigo. Estava de pé ao teu lado, falávamos de banalidades e coisas pequenas. (As coisas pequenas dão as melhores conversas do mundo.) Não sei como, meti a minha mão por dentro da tua camisa. Os meus dedos passaram pelas tuas costas e tu deixaste. A tua pele era tão macia que pensei na verdade estar a tocar a tua alma. "

Como as "aspas" anunciam, o texto não me pertence. Mas a subtileza das palavras fascinou-me e quis partilhar com vocês. O autor é anónimo...

*

1 comentário:

MS disse...

Maravilhoso. Gostei muito também.

Isto já se sabe..o bom gosto reina.


beijinho*