segunda-feira, 16 de maio de 2011

Dos adjectivos.




Só numa de extravagância deixa-me dizer-te como é bom este silêncio que se tem sentido. Aquele, cá dentro, de uma paz que não se explica. Não que a vida tenha parado, nada disso. Talvez agora esteja num reboliço tremendo, como há muito não vivia. Ainda agora, quando o vidro me feriu o pé, pensei na dor. Na diferença tremenda entre a dor física e a dor da alma, e na vantagem latente de saber a que sabem as duas, mesmo que possa parecer exagerado chamar ao que já se viveu de dor. E este adjectivo, tremenda, que me tem saido como se de vírgulas se tratasse, talvez porque o que se vive é realmente incompreensível para tamanha pequenez humana. Soam-me a confusão, todos estes rabiscos que agora aqui deixo mas é mais ou menos assim que te vejo. Em fase de construção, de projecto. Que nos vejo. Porque além do adjectivo anda por aqui um sujeito com rasgos de pluralidade que desaparecera. Se queres que te seja sincera, em mais um golpe de excentricidade, não me parecia de todo possível retornar a isto, onde o coração sente livremente. Ponderava mesmo se alguma vez voltaria a cruzar-me com um sopro desses que nos impelem para o abismo, num misto de adrenalina e nó no estômago. Há uma liberdade pontilhada a risos doces e a intimidade. Tens cheiro de guarida e de meninice extravasada. Sabes que mais? Gosto de adjectivos começados por e.

6 comentários:

Laura Ferreira disse...

E eu gostei imenso deste texto.

Margarida disse...

e as saudades que tinha de cá vir?

susana disse...

Gosto muito, muito :)

qel disse...

«(...) o que se vive é realmente incompreensível para tamanha pequenez humana. Soam-me a confusão, todos estes rabiscos que agora aqui deixo mas é mais ou menos assim que te vejo. Em fase de construção, de projecto. Que nos vejo».

estou como a margarida, ja sentia falta deste cantinho à beira blog plantado :p escreves poesia em prosa, ana. adoro *

Patrícia Sofia Pinto e Filipe disse...

gostei

MJ disse...

Tu quando voltas, Ana, voltas em grande! E se gostas dos adjectivos em e: espectacular, este.