terça-feira, 22 de abril de 2008


Sinto sempre que nunca Te dedico tempo suficiente. Não sei porquê.. Talvez porque não o faça verdadeiramente. Mesmo sem esse tempo que me foge por entre os dedos, Tu vens e abraças-me, mostrando-me que és O mesmo, que não mudaste enquanto me decidi perder pelas veredas da vida. Os braços sempre abertos.. A certeza dos braços sempre abertos. E o medo que um dia, ao voltar, os encontre fechados. A semente que colocaste em mim é tão maior que o meu coração.. Caíu na terra e começou a enraizar-se, a pouco e pouco e sinto-a tão firme em certos momentos. Fazer com que esta firmeza seja contínua depende de mim, não é? Os caminhos certos, os caminhos que me levam a Ti, também me cabe a mim escolhe-los.. Então porque é que muitas vezes os vejo, os sinto, e os meus pés não caminham neles? Porque é que o vento sopra mais forte e me lança entre espinhos e terras sequiosas? Sabes uma coisa? Sei as respostas a tudo isto.. E é por isso que quero ser melhor! A culpa não é do vento, não é das raízes nem das tempestades. Sou eu. Sou eu que não rego a semente que colocaste em mim. Sou eu que opto por felicidades aparentes. E sou eu, que mais uma vez, fujo para os Teus braços de Pai quando percebo o quão errada estava. Sou eu, a Ana frágil e forte, que é sempre especial e única aos olhos de Deus. Eu, a Ana que quer fazer mil e uma coisas e perde-se na rotina por ser fraca e desistir facilmente. E és Tu.. Tu que nunca desiste de me acolher. Tu que me mostras que é melhor viver. Tu que és felicidade, amor, compromisso, entrega, sacríficio. Tu que me dizes que posso fazer a diferença e cruzas caminhos com o meu, como se de um simples jogo de afectos se tratasse. Não gosto de promessas mas prometo que amanhã serei mais feliz do que hoje, entregando-me a Ti, de corpo, alma e coração.

3 comentários:

MS disse...

Porque é que as pessoas dizem que não gostam de promessas? Eu gosto. Verdade que gosto, ainda que elas possam ser a coisa mais frágil que há. Mas eu gosto.

E essa fé, esse acreditar assim já faz, tenho para mim, de ti mais forte do que às vezes possas sentir-te. :)

beijinho grande***

lilasmente disse...

cresço contigo... obrigado pela partilha... deixa-me que possa fazer tuas aas minhas palavras...

pequenina disse...

para mim o mais bonito é que podemos partilhar tudo isto por Ele:)
obrigada por seres uma presença dEle em mim... e por também tu me segurares.

beijo*