sexta-feira, 7 de março de 2008


O relógio está parado, só pode. Sinto que o tempo não passa e apetece-me correr para ti. Sinto borboletas no estômago como se te fosse ver pela primeira vez desde que me sinto assim, apaixonada. E sei que vou sentir cada beijo, cada abraço, cada toque como se fosse o primeiro, desde sempre. Quero-te tanto!

3 comentários:

AntiVirus disse...

See Here

Nostálgica disse...

É tão bom sentirmo-nos assim..:)
Um bjnho.

Tyler_____Durden disse...

A maior felicidade na cara daquela criança mulher.