sábado, 24 de abril de 2010

' Amo amar-te. '


Sempre que Maio se aproxima e somo mais um ano, lembro-me da tua mensagem. Da simplicidade com que sorri ao lê-la, naquele que costumava ser o meu dia preferido do ano. Da pureza com que vivia o sentimento, tão recente mas nem por isso menos intenso. E acabo sempre por deixar as recordações onde pertencem, fechando os olhos e sentindo claramente o teu perfume no meu pescoço. E a pureza do teu beijo, de gota fria. E a seriedade com que me olhavas, como quem descobria o Universo nos sinais do meu rosto porque eu era tão bonita e não sabia vê-lo.
Nem todas as histórias de Amor precisam de para sempre, verdade?

11 comentários:

Rita disse...

Oh! no meu ultimo post, a ultima frase é essa mesmo: "Amo amar-te". :) "A-DO-RO" o sentido e o significado da dita cuja. Aposto que me compreendes. :)
beijo*

Maria Inês disse...

Falar no passado custa. A mim cust-ame, pelo menos.

Joana Almeida disse...

Verdade. Mas também é verdade que todos são para sempre. Depende do ponto de vista! ;)

Margarida disse...

acho que não precisam de para sempre para o ser, porque quem ama amar os eterniza.

Maria Inês disse...

Eu li o teu comentário, eu li e aceitei. Mas ele desapareceu. Acho que deves ter magia nas mãos ;)

mariana disse...

Sabes que existem pessoas que ainda acreditam em contos de fadas? Não aqueles contos de fadas que nós vemos nos filmes e que julgamos que nos podem tocar a nós simplesmente porque nós bebemos do sumo das suas histórias. Nessa altura é fantástico. Mas depois voltamos ao mesmo sítio de sempre. Voltamos à mesma rotina que faz de nós cansados com tantas esperanças.
E chegamos ao fim do dia sempre prontos a ler o último post do Papel de Seda ou a relembrar-te pequenos textos que nos tocaram já tantas vezes. São esses os contos de fadas. Os contos que fazem parte dos dias e das histórias de alguém que nem sequer conhecemos o rosto mas no final de tudo deixa-nos sempre com um sorriso no rosto.


Parabéns Ana, seja quem fores.


Beijinho*

Finotti, Mariana disse...

com certeza, com certeza...

'e que seja feliz para sempre, mesmo que o para sempre não exista...'

,,
*

Nice disse...

Se o dia dos teus anos já não é o teu dia preferido do ano, quer isso dizer que já não tenho que te dar nenhuma prenda?!:P

mariana disse...

De nada,

eu estarei aqui*

Tyler_____Durden disse...

Bem visto, NIce.

Fora isso, o nosso benfica hein?

Eve disse...

quase nenhumas são...