segunda-feira, 23 de junho de 2008

"A arte de sorrir cada vez que o mundo diz não... "
Maria Bethânia - Brincar de viver

Assim, outra vez. De olhos abertos para a vida, esperançosos de que cada dia até nós seja melhor. Calma, paciência, compreensão, força de vontade, resistência... Cordas que esticam e que ameaçam partir. Não quero. Deixa-me substituí-las com aquela doçura que dizes ser tão minha. Deixa-me amarrá-las de novo no meu porto seguro e garantir que vento nenhum nos soprará para longe. Deixa-me descobrir nos cantos da alma tudo o que precisas e entregar-te uma por uma as peças que nos completam.

1 comentário:

pequenina disse...

ja pensei imenso sobre isto e nao consigo entender o pk de vir aki e sorrir smp com o k escreves... é pk te gosto e sabes coisas k gosto... batem as saudds